obrigado por sua visita........ricardo

TODOS OS TEXTOS ANTERIORES ESTÃO EM ORDEM ALFABÉTICA NO LADO DIREITO - É SÓ CLICAR

sábado, 17 de julho de 2010

VER, ENXERGAR e FOTOGRAFAR


VER, ENXERGAR e FOTOGRAFAR

o que faz
o olhar ver
em meio a entulhos
possibilidades ?

o que faz sensibilidades
se aguçarem
vendo obras prontas
antes mesmos de projetadas ?

olhar atento
curioso nato
não aceita nãos
como respostas

em tudo vê
possibilidades
oportunidades de criar
em cima do que foi
refugado

ver, enxergar e fotografar
lá deixando
suas sombras
e possibilidades propostas
que talvez
ninguém
assim mesmo
veja


ricardo GAROPABA blauth

5 comentários:

Dona Sra. Urtigão disse...

O que faz isso? Um dom ? aprendizado? capacidade evolutiva? Serão os astros ao nascer? Ou a idade do espírito ? As vidas pregressas? Ou apenas o acaso?

Elaine Barnes disse...

Uma beleza de texto ou poema(nunca sei a diferença,as vezes falo poesia rs..) Sempre fotografo as coisas,gosto bastante,mas, esse olhar intuitivo...Um treino mesmo. Muitas vezes consigo ler as entrelinhas,outras vezes elas me leem. Vamos seguindo a vida tentando melhorar esse olhar. As oportunidades passam e a gente nem vê. Montão de abraços e bjs

Marliborges disse...

É a percepção seletiva, Ricardo. Uma percepção oriunda do aprendizado, do conhecimento, do talento, da vontade, da sensibilidade e até do vocabulário que a gente tem. Há muitos fatores envolvidos no desenvolvimento dessas percepções. Muito bem colocadas as proposições nesse poema. É de pensar mesmo...
Bjssssssss

ricardo GAROPABA blauth disse...

alo SRA DONA URTIGÃO
ELAINE BARNES
MARLIBORGES

sobre o que vejo
porque e como o faço
não sei disser
simplesmente acontece
vejo acredito
o que muitos não enxergam
sou feliz por ser assim
sinto prazer em ver coisas possiveis de fazer
e ansiedade de não poder
fazer todas
as coisas possiveis

bjs

ricardo GAROPABA blauth

Marilu disse...

Meu querido amigo, linda poesia...Tenha um excelente final de semana...Beijocas